sábado, 20 de junho de 2009

Estou nas nuvens

Depois de muito tempo sem me apaixonar por ninguém, de pensar só numa pessoa, de tentar esquece-la de todas as maneiras possiveis e imagináveis, eis que chega o momento em que um "amigo especial" se torna um bocadinho mais que isso.
Já o conheço à 4 anos e desde que o conheci que sempre tivemos uma boa relação.
Sempre gostei de o ouvir, de falar com ele, de brincar com ele (...) sempre fomos próximos.
Tivemos juntos algumas vezes mas nunca o vi como "mais que amigo". Sei que na altura fui um bocado bruxa, tratei-o um bocadinho mal (vá, um bocadinho grande), nem sempre fui o mais correcta (o que era muito vulgar em mim naquela altura. Ser correcta não era mesmo o meu forte).
Apesar da maneira como o tratava (e usava) ele sempre esteve lá para mim. Sempre que queria, lá estava ele prontinho para ser usado. E pronto, eu um bocado abusadora, lá exagerava e fazia umas poucas de asneiras que o faziam sofrer. Até que chegou o momento em que ele decidiu que ou estava com ele asério ou não estava. E claro, eu cá minha arrogância total, não fiquei com ele.
Pois bem, arrependi-me.
E quando percebi que ele era a pessoa que desde sempre mais me respeitou e que, até, gostava de mim, decidi lutar por ele. Voltar a reconquistá-lo.
E pronto assim estamos, juntos desde fevereiro.
Ao inicio ainda tive crises do passado (e às vezes ainda tenho, mas só porque foi importante e marcou-me todos aqueles momentos, não porque ainda o ame) mas nunca o mostrei, porque nao há necessidade de mostrar uma coisa que sabemos que está a acabar, que estamos a esquecer, ou que praticamente já esquecemos. O passado não vale o que neste momento está a valer o meu presente. Além disso, passado é passado. E o meu apesar de me assombrar de vez em quando, está muito bem no seu lugar, passado.
A verdade é que estes meses tem sido os melhores que tive, à muito que não me sentia assim, feliz! Sim, quando estou com ele estou em felicidade constante.
Temos uma óptima relação, confiança acima de tudo e muito à vontade um com o outro.
Estou a apaixonar-me por ele.
E tenho a certeza de uma coisa, desta vez não o vou deixar escapar, mas não vou mesmo.
Vou lutar por mim, por ele, por nós!
E aí de mim se fizer alguma asneira desta vez, ou ele!

3 comentários:

Miss disse...

N vais fzr asneira nenhuma. N penses já negativo!!! O negativo atrai mais negativo. Pensa em como vais ser feliz ao lado dele. E isso do passado, n te inibas de falar com ele sobre o que for. Eles têm discernimento para perceber que só estás a falar e a verbalizar o que achas, não que ainda estejas interessada no ex. N tenho esse tipo de problemas com o meu respectivo, que eu adoro muito :) ele conhece o meu ex muito bem e posso falar sobre o que quiser. A confiança permite isso. Beijo grande

Sunrise disse...

N vais fzr asneira nenhuma. N penses já negativo!!! O negativo atrai mais negativo. Pensa em como vais ser feliz ao lado dele. E isso do passado, n te inibas de falar com ele sobre o que for. Eles têm discernimento para perceber que só estás a falar e a verbalizar o que achas, não que ainda estejas interessada no ex. N tenho esse tipo de problemas com o meu respectivo, que eu adoro muito :) ele conhece o meu ex muito bem e posso falar sobre o que quiser. A confiança permite isso. Beijo grande

Debbie disse...

Ai c'a bom que é estar apaixonada :)